ESPORTE

Sem goleiros, seleção brasileira vai a campo com 11 em primeiro treino leve de Singapura

whatsapp-image-2019-10-07-at-08.11.03

Com 11 jogadores em Singapura nesta segunda-feira – Matheus Henrique e Everton, do Grêmio, e Santos, do Athletico, chegam no fim do dia no país asiático (ainda pela manhã de segunda no Brasil) -, a seleção brasileira foi a campo pela primeira vez nesta na preparação para os amistosos contra Senegal e Nigéria, dias 10 e 13, respectivamente.

Sem goleiro ainda com o grupo, os atletas fizeram trabalho bem leve no campo anexo ao estádio Nacional de Singapura, palco das partidas na próxima quinta e domingo. Casemiro e Thiago Silva participaram do aquecimento e depois deram voltas ao redor do campo. O grupo fez trabalho físico, com bola, e terminou o treino depois de cerca de uma hora no gramado.

Neymar, Marquinhos e Thiago Silva foram os primeiros a desembarcar em Singapura – com Coutinho chegando praticamente do aeroporto direto para o primeiro treino, às 17h30 local, 6h30 no horário de Brasília. Nesta manhã de terça, chegam Arthur e Alex Sandro, além de Ederson e Gabriel Jesus. O grupo só fica completo por volta das 15h, quando estão previstas as chegadas de Weverton, Gabigol, Marcinho e Rodrigo Caio.

No fim da atividade, Marquinhos e Eder Militão, que não atuaram no fim de semana, fizeram trabalho separado com o auxiliar técnico Matheus Bacchi e Cesar Sampaio, auxiliar pontual da seleção brasileira pela segunda data Fifa consecutiva. Lucas Paquetá, reserva na partida do Milan na última rodada do Campeonato Italiano, fez trabalho de finalização e técnico com o auxiliar Cleber Xavier.

ge

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp