OPORTUNIDADES

Estão abertas as inscrições para o 4° Concurso de Vídeos “1 minuto contra a corrupção”

currupção

Estão abertas as inscrições para o 4° Concurso de Vídeos “1 minuto contra a corrupção” promovido pela Controladoria Geral da União (CGU), Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e Fórum Paraibano de Combate à Corrupção (FOCCO). Os curtas devem ser produzidos no celular, abordando a temática “prevenção e combate à corrupção”. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas até o dia 18 de novembro, pelo site: www.ufpb.br/contraacorrupcao.

Os cinco primeiros colocados receberão um tablet, certificados e bolsas de estudos de inglês ou espanhol no Yázigi Ruy Carneiro. Além disso, todos os curtas finalistas serão exibidos, em sessão especial durante o 14º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro, festival nacional de cinema, que acontece em João Pessoa (PB). Na ocasião, também ocorrerá debate aberto ao público sobre a temática, com a presença de especialistas sobre o assunto. A ideia é fortalecer e promover ações participativas com a comunidade em geral, divulgando a prevenção e combate à corrupção.

Cada participante poderá concorrer com até dois vídeos. Os critérios de avaliação são: aderência ao tema, qualidade do roteiro, do vídeo e do áudio. Para se inscrever, é preciso preencher a ficha técnica com os dados do participante, a sinopse do vídeo e as especificações do celular usado para a gravação. Os participantes também devem preencher a declaração de aceite das condições do concurso e enviar o link do vídeo na internet.

O 4° Concurso de Vídeos “1 minuto contra a corrupção” tem parceria com instituições privadas, como o Yázigi Ruy Carneiro, e públicas, como o Ministério Público do Trabalho e o Sindicato Nacional dos Auditores e Técnicos Federais de Finanças e Controle.

“Novamente o Yázigi Ruy Carneiro é um dos parceiros do projeto. Ficamos honrados e felizes em contribuir com a causa do combate à corrupção. Isso reforça nosso posicionamento de ensino de inglês e espanhol com cidadania”, comenta Gustavo Sousa, diretor da escola de idiomas.

O Concurso faz parte das atividades alusivas ao Dia Internacional Contra a Corrupção, celebrado oficialmente em 09 de dezembro.

Assessoria

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp