POLITICA

Governo da Paraíba aciona justiça contra a Cruz Vermelha cobrando R$ 52 milhões

hospital_de_trauma_jp3_foto-walla_santos

O Governo da Paraíba entrou com uma ação de ressarcimento de valores contra a Cruz Vermelha Brasileira cobrando o valor de R$ 52,2 milhões, que teriam sido desviados dos cofres públicos. A ação movida pela Procuradoria-Geral do Estado tramita na 5ª Vara da Fazenda Pública da Capital.

Além da Cruz Vermelha, seis dirigentes da OS também são alvos da ação. São eles: Sabrina Grasielle de Castro Bernardes, Milton Pacífico José Araújo, Ricardo Elias Restum Antonio, Constantino Ferreira Pires, Sidney da Silva Schmid e Saulo de Avelar Esteves.

A Cruz Vermelha administrou o Hospital de Trauma de João Pessoa e as contas dos contratos firmados com a OS são a base da denúncia.

clickpb

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp