ENTRETENIMENTO

Xuxa é acusada por Sikêra Jr de apologia às drogas e pedofilia: “é crime”

maxresdefault (3)

O apresentador da RedeTV!, Sikêra Jr, ficou irritado com Xuxa Meneghel, de quem, segundo ele, era fã quando criança. Em seu programa, ele atacou o livro escrito por ela, “Maya: bebê arco-íris”. Após as crítica de Xuxa a Sikêra por exibir zoofilia e dar risada do crime no Alerta Nacional, o comunicador falou que a “rainha dos baixinhos” leva as crianças para a “p*taria” com a história de uma menina com duas mães.

“Hoje, não dá mais audiência, está sendo empurrada para todo horário. A que vai lançar agora um livro LGBT para criança, viu? Para criança! Um livro LGBT para criança! Cuidado com o teu filho! Cuidado com a tua filha! A mesma que fez um filme com uma criança. Sim! Ela nua com uma criança de 12 anos. Ex-rainha, eu quero dizer para você que pedofilia é crime e não prescreve não, tá?”, disse o apresentador, associando a temática LGBTQIA+ ao crime de abuso sexual de menores.

Citando a entrevista em que Xuxa relatou que Sasha já tinha oferecido maconha a ela, Sikêra disse: “Você está usando desse nome que você criou para levar a criançada agora para a safadeza, para a putari*, para a surub*! Tua filha falando que ofereceu maconha para ‘tu’. Isso é uma coisa que se diga, ‘tu’, uma formadora de opinião? E aí? Todo mundo preocupado com o rabo do cavalo, né? Apologia às drogas também é crime, ex-rainha”.

 

wscom

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp